Como estudar fora contribuiu com a minha formação como mulher - Daqui pra Fora | Faculdade nos Estados Unidos, Canadá e Reino Unido

Como estudar fora contribuiu com a minha formação como mulher

Letícia decidiu ir estudar fora do Brasil quando tinha 17 anos. Determinada a alcançar seu objetivo,  se dedicou aos estudos e à natação, uma de suas paixões.  Hoje consultora da Daquiprafora, Letícia reflete o quanto essa fase foi importante para sua formação como profissional e como mulher:

” Aos 17 anos decidi que estudaria nos Estados Unidos e continuaria minha carreira como nadadora, a qual eu já havia iniciado aqui no Brasil. O objetivo era terminar o ensino médio lá e depois seguir na carreira universitária, tentar uma bolsa através da natação e me formar em uma faculdade internacional.

E assim foi, estudei e nadei primeiro na cidade de Mission Viejo, na California, em um time de natação chamado Mission Viejo Nadadores. Equipe muito renomada dos EUA e onde alguns atletas olímpicos treinaram. Nunca treinei tanto na minha vida! Durante o ensino médio por lá fui recrutada por algumas universidades e acabei escolhendo a University of Nevada, Reno.

Logo de cara me identifiquei com a equipe, com os treinadores e a atmosfera da universidade. O mais importante naquele momento de escolha da faculdade era me “sentir em casa”. E não podia ter feito escolha melhor, fui super acolhida, além de receber um imenso suporte emocional. Depois de muitos aprendizados, alguns momentos de questionamentos, muita saudade de casa, da família, dos irmãos e dos amigos, continuei no meu objetivo e nadei os 4 anos pela universidade, onde fui inclusive recordista. Consegui até, de alguma forma, deixar o meu legado por lá! Que alegria!

Hoje, olhando retroativamente tudo que passei nesta importante fase da minha vida, vejo o quanto foi transformador para a minha visão de mundo e a minha construção como mulher. Em 2019 completo 10 anos de trabalho na Daquiprafora, proporcionando aos jovens a mesma oportunidade que tive anos atrás. Sinto um privilégio enorme em poder trabalhar com algo que acredito, que vivi e que me possibilita acompanhar a transformação de cada jovem nesta jornada.

Sou de uma nova geração de mulheres que acredita e principalmente, vivencia seu empoderamento. Esta onda só está crescendo! Nossa união nunca foi tão forte. E fazer parte da equipe Daquiprafora é ter orgulho de vivenciar e trabalhar nesta nova geração que valoriza, abraça e empodera suas mulheres.”

Letícia Cunha



Comentários