TOEFL ITP e TOEFL IBT: qual prova devo prestar? - Daqui pra Fora | Faculdade nos Estados Unidos, Canadá e Reino Unido

TOEFL ITP e TOEFL IBT: qual prova devo prestar?

As faculdades dos Estados Unidos exigem que aplicantes estrangeiros atestem seu nível na língua por meio de exames de proficiência, como o TOEFL, para que o estudante possa iniciar os estudos em uma instituição americana. Normalmente, os resultados da avaliação são requisitados pelo departamento de admissão, assim como históricos escolares, diplomas e, eventualmente, redações sobre temas específicos. 

Neste artigo, vamos focar em duas das principais modalidades desse exame: o TOEFL ITP E TOEFL IBT. Apontaremos suas principais características e a forma como a pontuação é computada. Ao fim, você vai enxergar com clareza a diferença entre as duas certificações. Confira!

Como funciona o TOEFL?

Para começar, vamos entender o significado de TOEFL. Trata-se de um acrônimo para Test of English as a Foreign Language, que pode ser traduzido como Teste de Inglês como Segunda Língua. Como o nome deixa claro, o exame é utilizado para avaliar o nível de inglês em pessoas cuja língua nativa é outra. 

Em relação à pontuação, não existe o conceito de passar ou reprovar. Cada instituição de ensino estabelece uma nota mínima a ser alcançada para que a aplicação do estudante seja considerada. Portanto, é importante conhecer os requisitos das universidades para as quais deseja aplicar.

Muitas vezes, a pontuação exigida varia dentro da mesma universidade. É comum que cursos de curta duração sejam mais brandos nesse quesito, enquanto currículos de pós-graduação tendem a ser mais exigentes. O TOEFL conta com cinco categorias, sendo duas delas — Primary e Junior — destinadas ao público infantil. 

As outras três são o TOEFL PBT, TOEFL ITP e TOEFL IBT. O primeiro é uma versão em papel do exame, aplicada apenas em países com restrições no acesso à internet. As outras duas, portanto, são as mais relevantes e serão o tema do restante deste artigo. Continue a leitura. 

O que é o TOEFL IBT?

A sigla IBT significa Internet Based Test, ou seja, indica que esse exame é realizado de forma online. Trata-se da versão mais completa da prova, abordando as quatro habilidades consideradas essenciais para o ingresso em uma faculdade americana: compreensão de texto, compreensão de voz, escrita e oralidade. 

Essa modalidade é solicitada pela maioria das instituições dos Estados Unidos, principalmente aquelas que oferecem cursos de maior duração. Embora seja feito pela internet, o participantenão tem a opção de realizá-lo em casa. É necessário, portanto, marcar um horário em uma das unidades que oferecem o TOEFL. 

Com duração de 4 horas, o exame é dividido em quatro seções. A primeira é nomeada reading e tem um tempo limite de 60 a 80 minutos. São apresentados ao candidato uma série de artigos acadêmicos e perguntas relacionadas a eles.

Depois vem o listening, com tempo limite de 60 a 90 minutos. Nessa parte, o aplicante escuta palestras, discussões e conversas para, ao fim, responder perguntas relacionadas aos conteúdos apresentados. Ao fim dessa seção há um intervalo de 10 minutos. 

Depois de recarregar as energias, vem a parte de speaking, em que o prestador do exame deve responder, utilizando o headset disponibilizado, a algumas questões apresentadas. Vinte minutos depois inicia-se o writing, que cobra o sustento de uma opinião por meio de linguagem escrita. 

Cada uma das seções da prova valem exatos 30 pontos, sendo 120 a pontuação máxima do exame. 

O que é o TOEFL ITP?

Diferentemente da modalidade apresentada no tópico anterior, o TOEFL ITP é realizado de forma completamente offline, sem o uso de computador. Portanto, a prova é feita com o uso de lápis e papel. Outra diferença em relação ao TOEFL IBT é o formato: são apenas três seções. 

O exame é dividido entre compreensão auditiva, compreensão de texto e estrutura da língua. Por ser menos extensa, a prova é realizada no período de duas horas, sem necessidade de intervalo. Devido a sua característica menos complexa, o exame é geralmente requisitado para a realização de cursos de menor duração. 

No que diz respeito ao formato, o teste inicia na seção Listening Comprehension. São 50 questões de múltipla escolha que devem ser respondidas de acordo com o conteúdo de um áudio. A atenção nessa etapa é fundamental, já que não é possível parar ou repetir a reprodução. 

A etapa seguinte é a Structure and Written Expression e apresenta 40 questões. Parte delas desafia o aplicante a identificar erros gramaticais, enquanto a outra pede o preenchimento de espaços vazios em sentenças. Por fim, vem Reading Comprehension

Essa seção consiste em 5 textos com 10 perguntas cada. Os assuntos abordados em cada texto variam, mas as respostas podem sempre ser encontradas a partir de uma leitura atenta e detalhista.

Qual tipo de certificação escolher?

Antes de definir qual modalidade do exame melhor se aplica para a sua situação, é imprescindível pedir uma recomendação para a escola em questão. Geralmente, programas de estudo que lidam com um nível mais avançado exigem a realização do TOEFL IBT. 

Por outro lado o TOEFL ITP é muito requisitado por instituições que oferecem cursos em um grau hierárquico menor que a graduação. Portanto, se o objetivo é estudar inglês no exterior ou participar de aulas de um conteúdo específico, essa pode ser a melhor opção. 

Em todos os casos, é importante conhecer todos os pré-requisitos da instituição acadêmica. Isso porque, como já mencionamos, a equipe de admissão é responsável por estabelecer a nota mínima para o ingresso do aluno. 

As certificações TOEFL ITP e TOEFL IBP são aceitas em diversas escolas, cursos e universidades nos Estados Unidos. Por meio do resultado desses exames, o aluno pode provar seu nível de inglês, informação que é utilizada tanto no processo de aplicação, quanto no nivelamento das disciplinas. 

E então, ficaram claras as diferenças entre TOEFL ITP E TOEFL IBT? Para ficar por dentro de mais conteúdos como este, siga nossas redes sociais. Estamos presentes no Facebook e no Instagram!



Comentários