Estudante se preparando para prova de proficiência em inglês.

Qual prova de proficiência em inglês devo fazer?

Quem pensa em estudar em uma universidade no exterior precisa cumprir algumas etapas durante o processo seletivo. Elas variam de país para país e, às vezes, de instituição para instituição. Mas um item é exigido por todas as universidades aos estudantes estrangeiros que não têm o inglês como língua nativa: o teste de proficiência em inglês (para quem vai estudar em inglês, claro). 

Existem vários testes que podem ser feitos e a maioria das universidades aceitam mais de um deles. Os principais são o TOEFL, o IELTS, o DET e o Cambridge. A seguir você vai saber como eles funcionam e, com estas informações, vai poder escolher qual o melhor para você. 

Como funcionam as notas dos testes de proficiência?

Mas antes de conhecer melhor cada um deles, vale a pena entender alguns pontos importantes. Você pode estar se perguntando, por exemplo, quanto precisa tirar para ser aceito pelas universidades.

Então saiba que não existe uma nota mínima padrão. A exigência varia, na verdade, de universidade para universidade e, às vezes, até de curso para curso. Geralmente a nota mínima está relacionada com o nível de competitividade da instituição e/ou do curso.

Quanto mais competitiva, maior a nota exigida. Vale a pena checar essa informação antes no site das universidades onde você vai aplicar.

Todas as provas medem basicamente 4 categorias:

  • Writing (escrita);
  • Listening (compreensão auditiva);
  • Reading (compreensão de texto);
  • Speaking (expressão oral). 

Você vai ver que as notas das provas são diferentes e os números finais são bem distintos. Isso se deve ao fato de que cada exame tem o seu próprio formato, seus critérios e mecanismos de pontuação.

No final, mesmo diferentes, as notas refletem o nível de proficiência de cada candidato, baseado nas 4 habilidades, que é o que as universidades querem saber.

É sempre bom fazer simulados antes da prova para se adaptar ao formato dela, seja qual for a que você escolher. E se, ao fazer o exame, você não ficar contente com o resultado, pode fazer outra inscrição, fazer a prova novamente e enviar a melhor nota para as universidades. Confira no site da instituição organizadora as regras para fazer a prova novamente.  

TOEFL (Test of English as a Foreign Language)

O TOEFL é o teste mais aceito no mundo todo. Cerca de 11.500 universidades em 160 países adotam o TOEFL como teste de proficiência em inglês.

Você vai encontrar várias modalidades de TOEFL, mas a versão mais utilizada pelas universidades é o TOEFL IBT (Internet Based Test). É deste que vamos falar.

O TOEFL IBT avalia as 4 habilidades, reading, listening, speaking e writing, da maneira como elas acontecem na sala de aula. A nota máxima é 120 pontos, divididos nas 4 categorias

O teste dura cerca de 3 horas. A primeira seção é a de Reading. Ela tem 3 textos acadêmicos, e para cada um deles há 10 perguntas no modelo múltipla escolha. Você tem 53 a 72 minutos para terminar a parte de Leitura.

Em seguida vem a seção de Listening, que leva de 41 a 57 minutos. São 5 áudios. Três deles trazem assuntos acadêmicos com 6 perguntas cada. Os outros dois são conversas que acontecem no campus (dentro ou fora da sala de aula) e cada uma tem 5 questões.

Depois disso, você tem 10 minutos de intervalo. Em seguida vem a seção de Speaking. São 4 tarefas onde você vai falar e discutir os temas que você leu e ouviu.

E por último, vem a seção de Writing, com duas tarefas. Nela você vai ler uma passagem, ouvir uma gravação e digitar sua resposta.

Tudo no TOEFL gira em torno da vida acadêmica, então mostra bem como o aluno se daria no dia a dia na universidade.

O TOEFL IBT pode ser feito nos centros de aplicação espalhados pelo Brasil ou em casa. Para fazer em casa, ele está disponível 4 dias por semana, com agendamentos disponíveis 24 horas após a inscrição no site da ETS (responsável pela realização do TOEFL).

Nos centros de aplicação autorizados, ele é oferecido 60 vezes por ano. No site da ETS você encontra os locais e datas disponíveis para fazer sua inscrição. 

O valor da inscrição é de US$ 245. Você recebe a nota de 4 a 8 dias após a realização do teste. A pontuação é válida por 2 anos, mas vale lembrar que você pode fazer o TOEFL quantas vezes precisar, e enviar para as universidades a sua melhor nota

IELTS (International English Language Testing System) 

IELTS é o exame de proficiência desenvolvido pelo British Council e bastante popular no mundo inteiro, inclusive é muito aceito nos Estados Unidos também, mas é mais utilizado no Reino Unido.

Assim como o TOEFL, ele tem várias modalidades. Quem pensa em fazer faculdade no Reino Unido precisa fazer a versão IELTS UKVI, para poder ter o visto de estudante.

O IELTS UKVI (Academic) é aplicado em Brasília, Rio de Janeiro e em São Paulo, em centros examinadores aprovados pelo British Council. O valor da inscrição é de R$ 1.210.00. O exame pode ser feito no computador ou no papel. Você faz a opção ao agendar o seu exame no site do British Council.

A prova também tem quatro etapas:

  • Listening;
  • Reading;
  • Writing;
  • Speaking.

Em Listening, que dura 40 minutos, você vai ouvir 4 gravações em inglês e depois responder as perguntas. Os áudios têm conversas do cotidiano e conteúdo acadêmico.

A sessão de Reading dura 60 minutos. Tem 5 textos extraídos de livros, revistas, jornais ou anúncios, e um total de 40 perguntas.

A terceira parte é o Writing. Em 60 minutos, você deve escrever dois textos: uma carta, com no mínimo 150 palavras, e uma redação argumentativa, com pelo menos 250 palavras.

A etapa de Speaking consiste em uma entrevista de 10 a 14 minutos, onde você vai dar respostas genéricas sobre alguns temas e uma resposta mais detalhada sobre um deles. A entrevista pode ser presencial ou por videochamada e ela pode ser marcada em dia diferente da data oficial do seu exame.

A nota do IELTS no papel é acessível 13 dias após o exame. Quem faz no computador, em 3 a 5 dias já consegue visualizar o resultado.

O certificado mostrará uma nota para cada uma das habilidades avaliadas e uma média geral. A nota final varia de 0 a 9. O IELTS não tem uma data de validade, ou seja, ele não expira, mas as universidades geralmente solicitam que o exame tenha sido feito até dois anos antes da candidatura

DET (Duolingo English Test)

O DET é o teste de proficiência mais novo entre os que são mais mais reconhecidos. Ele vem sendo cada vez mais aceito por universidades no mundo inteiro. Hoje mais de 3.500 instituições utilizam o Duolingo Test como avaliador de proficiência em inglês. 

O DET é online e pode ser feito de qualquer lugar a qualquer hora. O exame dura uma hora e tem um preço mais acessível: custa U$ 49. Em até dois dias você tem o resultado. Como o teste pode ser feito em casa, regras rígidas de segurança precisam ser seguidas. 

O Duolingo também é diferente dos demais testes em sua estrutura. Primeiro, é um teste mais simples. Você não vai se deparar com as seções fixas convencionais Writing, Listening, Reading e Speaking.

As perguntas do Duolingo são transversais e avaliam ao mesmo tempo várias habilidades:

  • Literacy (habilidade de ler e escrever);
  • Comprehension (ler e escutar);
  • Conversation (ouvir e falar);
  • Production (falar e escrever). 

Elas seguem o modelo do próprio aplicativo. Pode aparecer uma pergunta onde você lê o enunciado e deve responder falando, ou ouvir e ter que responder por escrito, ler e falar, escutar e escrever, ou ainda descrever uma imagem. 

Outra diferença é que o teste é adaptativo, ou seja, o nível do teste vai se adaptando ao conhecimento que o aluno apresenta durante a própria prova. Quanto melhor o seu desempenho, mais difíceis as questões vão ficando. A ideia é que a prova atinja o nível do candidato e que, assim, ele possa ser avaliado de forma mais precisa. 

​​A primeira parte da prova, o Quick Setup, dura 10 minutos e não é avaliada. É apenas uma introdução às regras e procedimentos do teste.

Em seguida, por 25 minutos, você responde às questões adaptativas. Nesta parte está o grande volume do teste, onde todas as habilidades são avaliadas. 

A ordem das questões é aleatória. Apenas as duas últimas perguntas são padrão: em uma delas o aluno deve escrever um pequeno texto com 50 a 100 palavras e na outra ele deve responder falando por 30 a 90 segundos.

A terceira parte é a Video Interview & Writing Sample. Nela você responde a duas questões abertas e dissertativas. Na primeira você deve falar por 3 a 5 minutos sobre o tema que escolheu. E na segunda, deve escrever por 3 a 5 minutos a respeito do outro tema escolhido.

​​A escala de pontuação do Duolingo English Test vai de 10 a 160 pontos e o score aumenta de 5 em 5 pontos. Os resultados incluem a pontuação geral e a pontuação por habilidade.

Exames de Cambridge

O exame de Cambridge, organizado pela Universidade de Cambridge, na Inglaterra, é um dos mais tradicionais exames de proficiência em inglês do mundo. Mas não está entre os mais utilizados nos processos seletivos das universidades. Nos Estados Unidos, por exemplo, ela é menos aceita que as outras provas.

Assim como o TOEFL e o IELTS, o exame também avalia 4 categorias:

  • Reading and Use of English;
  • Writing;
  • Listening;
  • Speaking.

Cambridge também tem várias modalidades de provas. Elas variam de acordo com a proficiência do aluno. As principais e que podem ser aceitas pelas universidades são B2 First (antigo FCE), C1 Advanced (antigo CAE) e o C2 Proficiency (antigo CPE).

As provas seguem o padrão do Quadro Comum Europeu, onde, como o nome diz, B2 indica intermediário avançado, C1 significa avançado e C2, proficiência. 

Nos Estados Unidos, o MIT (Massachusetts Institute of Technology), por exemplo, uma das melhores universidades do mundo, exige 185 pontos no C1 ou 190 no C2.

As provas de Cambridge têm estrutura, tempo de duração e valores diferentes. Como resultado, o exame é dividido em 3 conceitos. Os conceitos B e C comprovam o nível de proficiência compatível com o exame que foi feito e o conceito A atesta que você está um nível acima. 

Para prestar o exame de Cambridge você precisa se inscrever em um dos centros autorizados. Os locais estão disponíveis no site da instituição Cambridge English Assessment. O valor da inscrição depende da prova e do local onde ela será aplicada.

Para saber mais sobre as provas de proficiência, e as outras provas exigidas, assista nosso Webinar sobre provas internacionais.

Mentoria em Grupo: Faculdade no Exterior

Planejamento, preparação e bolsas de estudo. Entenda o modelo de ensino, conheça os cursos disponíveis, o passo a passo do planejamento, da preparação e como funcionam as bolsas de estudo.

19.06

19h00

Webinar: Programa de Programa de Preparação Antecipado Daqui pra Fora (Early Guidance)

O que é, como funciona, formato, módulos, tópicos abordados, exemplos práticos, relatórios, controle da evolução, casos de sucesso. Conheça o que é feito, como é feito. Conheça também alguns de nossos mentores.

25.06

19h00

Quer receber mais informações sobre Faculdade no Exterior?