Enem, bolsas de estudos… Confira 6 informações importantes sobre o processo seletivo das universidades do Canadá - Daquiprafora | Faculdade nos Estados Unidos, Canadá e Reino Unido

Enem, bolsas de estudos… Confira 6 informações importantes sobre o processo seletivo das universidades do Canadá

Estudar em uma faculdade no Canadá faz toda a diferença para o currículo. Além de viver experiências incríveis, o estudante ainda consegue destaque profissional por fazer um curso em um dos países com a melhor qualidade de vida do mundo. Isso talvez você já saiba, mas sabia que é possível usar o Enem em universidades do Canadá?

Sim, é verdade! Porém, antes de começar a preparar as suas malas, existem algumas informações que você precisa saber. Continue a leitura do artigo e confira quais são!

1. O Enem é aceito em algumas universidades canadenses

Fazer o Enem é uma das principais formas de ter acesso ao ensino superior no Brasil. O exame é considerado o segundo maior do mundo, perdendo apenas para o da China. Por este e outros fatores, é reconhecido internacionalmente, inclusive no Canadá.

Porém, é válido ressaltar que não são todas as instituições que aceitam o Enem. Algumas das mais conhecidas que utilizam a nota do exame em seus processos seletivos são Universidade de Toronto e a University of British Columbia (UBC).

2. É possível ganhar bolsas de estudo

É possível conseguir bolsas de estudos no Canadá. No entanto, para conquistá-las, é preciso cumprir pré-requisitos como a apresentação do Certificado do Ensino Médio, o resultado do Enem, do vestibular ou do SAT (teste de aptidão escolar dos EUA), média final de aceitação e requisitos específicos que o curso demandar.

Alguns cursos pedem que o candidato apresente um portfólio. Há também a probabilidade de uma análise curricular para comprovação e notas em matérias específicas das áreas de exatas, ciências ou humanas.

3. Um dos requisitos é a comprovação da proficiência em inglês

Além de apresentar o Enem, comprovar a competência em língua inglesa também será necessária. Para isso, é preciso apresentar os resultados do TOEFL, IELTS ou algum outro exame de proficiência em inglês. A necessidade deste requisito é justamente porque as aulas vão ser ministradas em inglês, e você precisará comprovar que consegue acompanhá-las.

4. Na UBC existem dois tipos de bolsas de estudo

Na University of British Columbia são oferecidas duas categorias de bolsa, a IMES e a OIS. No International Major Entrance Scholarship (IMES), a bolsa pode ser renovada durante os quatro anos da graduação.

Os pré-requisitos incluem ter um visto de estudante (não pode ser de outro tipo), ter um histórico escolar muito bom e participar de atividades extracurriculares.

Já no Outstanding International Student Award (OIS), a bolsa funciona como uma recompensa de mérito. São candidatos alunos considerados excepcionais, escolhidos com base nas notas e no perfil do candidato.

Ao aplicar para entrar na universidade, automaticamente o aluno já está concorrendo aos dois tipos de bolsas. Em alguns casos, é possível receber o prêmio do OIS e as parcelas do IMES.

A instituição disponibiliza um blog para orientar a quem tem interesse em aplicar, vale a pena conferir!

5. O ano letivo inicia em períodos diferentes

Ao contrário do Brasil em que todas as universidades começam o ano letivo em fevereiro ou março, no Canadá o ano letivo geralmente começa em setembro. Com exceção de cursos populares que podem ter datas adicionais em janeiro ou em maio.

É recomendado verificar a data de início e fim das inscrições, bem como o início do ano letivo.

6. É preciso se preparar

Por mais que o estudante esteja ansioso para começar a estudar no Canadá, dependendo do domínio da língua inglesa e dos requisitos dos cursos, será necessário preparar-se por mais tempo.

Se o curso exige um portfólio, por exemplo, pode ser vantajoso passar alguns meses trabalhando nele antes de apresentá-lo. Quem ainda não fez o exame de proficiência também precisa dispor de tempo para conseguir o certificado.

Todos esses aspectos são importantes e precisam ser lembrados por quem vai se candidatar para uma universidades do Canadá. Embora não seja nada impossível, requer planejamento e pesquisa, já que as informações variam muito de uma instituição para outra e de um curso para outro.

Se você ainda está se planejando e decidindo se vai ou não fazer uma faculdade no exterior, este e-book sobre as vantagens de fazer faculdade no exterior vai te ajudar a decidir. Faça o download e confira!



Comentários