Veja aqui um passo a passo completo de como fazer faculdade na Inglaterra - Daqui pra Fora | Faculdade nos Estados Unidos, Canadá e Reino Unido

Veja aqui um passo a passo completo de como fazer faculdade na Inglaterra

Para quem deseja destacar o seu currículo de forma excepcional, fazer faculdade na Inglaterra surge como uma ótima alternativa. A terra da rainha faz parte do Reino Unido e é uma das maiores potências mundiais, atraindo pessoas do mundo todo. 

Além disso, a experiência de estudar em um país no exterior garante ótimas memórias e uma bagagem cultural incrível: poder compartilhar a sala de graduação com estudantes de inúmeros países e diferentes estilos de vida é um aprendizado que não cabe nos livros. 

Se você está pensando em fazer faculdade na Inglaterra, confira o nosso post e saiba como se preparar para essa aventura!

Como se candidatar?

É necessário ter em mente que o processo de ingresso em uma universidade britânica é totalmente diferente do procedimento realizado no Brasil, a começar pela ausência de um vestibular. A data para iniciar sua aplicação também merece atenção: os prazos variam de acordo com cada universidade, mas, em geral, os processos abrem inscrições um ano antes do início das aulas. 

Para as faculdades da Inglaterra, é preciso demonstrar o seu perfil acadêmico, suas notas durante o Ensino Médio e uma carta pessoal de motivação, chamada de personal statement. As universidades também podem pedir ainda cartas de recomendação – feitas por professores ou coordenadores de seu colégio.

Além disso, por ser um país de língua inglesa, você deve comprovar proficiência mediante testes conhecidos. International English Language Testing System (IELTS) é o mais recomendado, justamente por ser britânico

A cada ano só é possível realizar a inscrição em até 5 faculdades na Inglaterra e o processo pode variar de acordo com cada instituição. Mas para facilitar o application, as cinco podem ser feitas de um vez por meio da plataforma britânica chamada Universities and Colleges Admissions Service (UCAS). Lá o aluno realiza o upload dos documentos solicitados, verifica o andamento de suas inscrições e consegue, inclusive, tirar suas dúvidas. 

Atenção aos processos de Oxford e Cambridge. Essas duas universidades inglesas tem suas peculiaridades. Entre elas, só é possível se candidatar para uma ou para outra a cada ciclo, então escolha a sua favorita. Além disso, ambas têm um processo seletivo mais profundo para conhecer seus candidatos e podem pedir ainda que o aluno preencha formulários para conhecer seu histórico médico (Extenuating Circumstances Form) ou pedirem para realizar entrevistas, entre outros requisitos.

O que é avaliado? 

O sistema britânico para ingresso na universidade tem a intenção de realmente conhecer o seu futuro aluno. É por esse motivo que a sua avaliação inclui o perfil do estudante no Ensino Médio, cartas de motivação e atividades extracurriculares.

Por isso, se você quer estudar na Inglaterra, saiba que não é necessário ser um aluno nota 10 em todas as matérias, pelo contrário: notas boas são requeridas, mas a experiência do requerente com trabalhos voluntários, projetos sociais e vivências em diferentes regiões conta bastante. 

Também inclua em seu currículo as suas atividades musicais, esportistas, artísticas e relacionadas à qualquer outra área de relevância. Demonstre quem você realmente é, como você atua em seu cotidiano e fuja do senso comum

O que é o Foundation Course?

Esse curso é direcionado justamente para estudantes estrangeiros e tem a função de igualar as possíveis diferenças entre os sistemas educacionais de cada país. Diferentemente do Brasil, na Inglaterra o ensino médio dura 4 anos e a graduação dura 3. Por isso, praticamente todos os alunos internacionais precisam fazer o Foundation Course para ingressar na universidade. Ele é considerado um curso de qualificação, que dura de 6 meses a 1 ano e, em geral, já é realizado na universidade escolhida pelo aluno. 

A sua grade curricular é composta pela própria língua inglesa, metodologia para realizar pesquisas e ferramentas para elaboração de redação, considerando tamanha importância no ensino britânico. 

Ao iniciar o Foundation, o aluno já deve escolher qual curso pretende fazer na universidade. Assim, ao final, se aprovado nas matérias, o aluno inicia a graduação na sequência.

Aumente suas chances de estudar na Inglaterra

São diversos os detalhes a respeito de fazer faculdade na Inglaterra. No entanto, com paciência e boa preparação, você atingirá o seu objetivo! Se quiser aumentar as chances de conseguir uma vaga em uma universidade britânica, conte com auxílio profissional, realize a sua matrícula e prepare as malas. Bons estudos!

Gostou do nosso post sobre estudar na Inglaterra? Conheça agora as seis melhores universidades inglesas e opte pela faculdade mais adequada ao seu perfil. 



Comentários